07
Jun 08

                     

 

      (Picasso)

 

Um inicio devagarinho
É um círculo redondinho
Um circulo pequenino
É um Prisma em rectângulo
Uma recta em forma de ângulo
 
Espião imperceptível
É um beco, é uma mina
É um túnel invisível
Evasivo que domina
 
É perverso, atrofia
Esmagador, crediário
É cratera, bolomia
É lesivo é um falsário
 
É nefasto, é relapcia
Empresário ganancioso
É cego e tecnocracia
Monopólio astucioso
 
Petulante e vigarista
Movediço, irracional
Renitente e consumista
Explorador, imoral
 
É festim
Cataclismo
É assim
O CAPITALISMO!

Ausenda Hilário

publicado por Utopia das Palavras às 16:08

TÁ DEMAIS. DAS-LHE BEM TB EM TERMOS POLITICOS. GRANDE VEIA. Tas no meu coração. Bj
ggm a 11 de Junho de 2008 às 11:58

"Balada da Liberdade" livro de Miguel Beirão, prefácio de minha autoria e capa de Dorabela Graça
Partilha em co-autoria
Um pouco de mim também...!
visitor stats
Luso-Poemas - Poemas de amor, cartas e pensamentos
Page copy protected against web site content infringement by Copyscape