12
Set 09

O mar canta…
quando se entranha
nos olhos
de quem o ama
 
Chora…
com a maré
se o amor
de quem o sente
perdido um dia fora
 
Envaidece-me vê-lo coral
curtindo beijos de sal
que exalta...
vestindo a descoberta
 
O mar…namora-me!
 
 
(imagem: Augusto Lima)
publicado por Utopia das Palavras às 21:23

sou de serra
e vale talhado
avistei o mar extenso como um olhar de sonhos feitos
não o naveguei
apenas estive a vê-lo, calmo ou crispado ou até mesmo sereno...
as profundesas são feitas para longos mergulhos...
abraço do vale

 
duartenovale a 16 de Setembro de 2009 às 11:43

"Balada da Liberdade" livro de Miguel Beirão, prefácio de minha autoria e capa de Dorabela Graça
Partilha em co-autoria
Um pouco de mim também...!
visitor stats
Luso-Poemas - Poemas de amor, cartas e pensamentos
Page copy protected against web site content infringement by Copyscape