12
Set 09

O mar canta…
quando se entranha
nos olhos
de quem o ama
 
Chora…
com a maré
se o amor
de quem o sente
perdido um dia fora
 
Envaidece-me vê-lo coral
curtindo beijos de sal
que exalta...
vestindo a descoberta
 
O mar…namora-me!
 
 
(imagem: Augusto Lima)
publicado por Utopia das Palavras às 21:23

aaah... já lhe sinto saudades ainda o verão não acabou. 
Minha praia do Vale de Centienes... quem me dera lá!  
leal maria a 13 de Setembro de 2009 às 02:10

O mar namora sempre quem o ama...

Beijos
maria a 13 de Setembro de 2009 às 03:02

O mar namora-te...e conquista-te, não é? Pela poema...:))
justine a 13 de Setembro de 2009 às 09:21

E eu vou ficar com ciumes
porque eu o amo também.

Lindo poema Ausenda !

Boa semana !

Beijinhos
Lena a 14 de Setembro de 2009 às 16:41


O mar namorado.
O mar namora-te! - que linda expressão poética.
Beijinho.
Eduardo Aleixo a 15 de Setembro de 2009 às 14:39

aaah Ausenda... ando eu às avessas com as palavras que me surgem e vens tu com o teu comentário (ainda que o reconheça hiperbólico)  fornecer-me a arma com que prevalecerei sobre elas!   Sirvo-me da tua escultura:  "Escusa nostalgia/ se hiato não fosse o tempo/ que (fazemos) te faço"




Um beijo! 


PS: Tenho acompanhado, como é meu diário costume, as tuas palavras e tendo a menina andado pouco profícua, tenho-me socorrido das pretéritas. Quem disse que não é bom remoer o passado? Principalmente o dos outros... o cinzel com que talhas a palavra nunca te tremeu nas mãos!  






leal maria a 15 de Setembro de 2009 às 16:56

sou de serra
e vale talhado
avistei o mar extenso como um olhar de sonhos feitos
não o naveguei
apenas estive a vê-lo, calmo ou crispado ou até mesmo sereno...
as profundesas são feitas para longos mergulhos...
abraço do vale

 
duartenovale a 16 de Setembro de 2009 às 11:43

Provas-te e sabes-te a sal...
Ai o sentir que as tuas palavras despertam.
Sempre
Beijos
Lúcia a 16 de Setembro de 2009 às 17:45

_________________________________________________________________




...ele a namora, porque você sabe canta-lo!


Belo poema!




Beijos de luz e carinho...




__________________________________________________________________
zélia a 16 de Setembro de 2009 às 23:38


Vim ver o mar...Bj
Eduardo Aleixo a 17 de Setembro de 2009 às 10:01

"Balada da Liberdade" livro de Miguel Beirão, prefácio de minha autoria e capa de Dorabela Graça
Partilha em co-autoria
Um pouco de mim também...!
visitor stats
Luso-Poemas - Poemas de amor, cartas e pensamentos
Page copy protected against web site content infringement by Copyscape