28
Mar 09

 (Chagall)

 
 
Pujante de desvelos me escora
Presente bem-querer e o aço
Refúgio do pânico quando aflora
Pilar das loucuras que eu faço
 
Alucinados os meus passos de dança
Livres em espelhos d´água
Rodopiam em pontas de lança
Fundeando no teu cais, sinto-me frágua
 
Impregnam-me os sussurros que gritas
Cúmplice poço de segredos
Fiapos do teu olhar basta em horas aflitas
Na placitude são mudos todos os medos
 
Robusta ponte no meu mar sonhador
Quão terno cavaleiro andante
Mil anos serás, eterno poema de amor
E eu sempre... teu pássaro viajante!

 

publicado por Utopia das Palavras às 18:18

*
um poema bem escorado,
brilhantíssimo,
,
ofereço-te,
com as tuas palavras
,
zelo
os sussurros sonhadores
cavalgando sobre os medos
com lanças alucinadas
de trotes rodopiados
impregnando os segredos
de poemas voadores
em eternizado desvelo
,
um mar de desvelos
,
poetaeusou
*
poetaeusou a 28 de Março de 2009 às 20:55

PoetaEuSou

Desvelo meu
no canto
sussurrado
do verso
teu...!

Beijos

comentador 13931 - tem prémio?
:)))
mais um belo poema, com as palavras e conteúdo a que já nos habituaste...

Bom domingo.
Beijo
maria a 28 de Março de 2009 às 22:06

Maria

tens prémio que fores o comentador 50.000, bom não achas?
:-) Obrigada

Beijo

" Mil anos serás, eterno poema de amor"

Serás, amiga, o meu eterno poema...

Bom domingo
Beijo doce
Paola a 29 de Março de 2009 às 00:10

Paola

Doces poemas...sejamos!!!

Beijo, linda

E há que se fazer muita loucura! E voar nas horas e vencer os medos. Um poema impregnado de magias!

Um beijinho e bom domingo
Menina do Rio a 29 de Março de 2009 às 03:22

Verô

São os pilares que não nos deixam cair...!
E assim damo-nos ao luxo da loucura...sádia!!!

Beijo


Há pontes assim que nos amparam no bom e no mal, A ponte que te sustenta é a tua enorme capacidade de dar.
É mais um belo poema. De aço.
E tu uma ponte para o sonho.

xi...
paulo a 29 de Março de 2009 às 13:35

Paulo

... não sei o que te responder!
O juizo é teu....

Beijo

Olá Ausenda!

A beleza que a poesia encerra
em tua pena ganha expressão
tu és Deusa poeta nesta terra
és sentimento genuíno, paixão

Beijo grande.
manu a 29 de Março de 2009 às 14:53

Manu

hajam palavras cá dentro
desalinhando o meu sentir
receio sempre que entro
dentro de um verso a explodir!

Grata, amigo, muito
Beijo


Pássaro viajante

doce

e livre

contra o vento

no ciclo das marés

Bjs

MAR ARAVEL a 29 de Março de 2009 às 18:54

Eufrazio

Sempre livre

mesmo

contra o vento...!

Abraços



Cada passo tem um sentido
O Sonho dá razão para viver
Neste poema aqui lido
Há sonho, amor e querer!

És tu poetiza
Ave que não pode pousar
És toada, és harmonia!
És do mar a brisa
Teu poema, feito p'ra se dar
Todo Ele é amor e magia!

Tudo o que eu soubésse dizer, não era nada comparado com a beleza do teu poema.

Um beijinho e boa semana

rosafogo a 29 de Março de 2009 às 19:17

RosaFogo

Vais muito além do caminho
do afecto e da amizade
Musa és tu, que de mansinho
Constrois versos de verdade!

Um beijo doa minha admiração por ti


É um lindíssimo poema de amor refúgio com os últimos 4 versos que são as patas do cavalo com que cavalgas na aventura do amor e da ternura.
Obrigado por palavras que tens escrito por aí, pelas galáxias dos elogios e das meiguices, que retribuo com a doçura do mesmo mel..
Bjs
EA
Eduardo Aleixo a 30 de Março de 2009 às 19:02

Ausenda,

Como é difícil comentar um poema como este, em que as palavras nos conduzem pelos labirintos dos sentidos!
Um belo poema, é o que me apetece dizer. E que bem escreves!

Um abraço
Meg a 30 de Março de 2009 às 19:45

Eduardo

Andaste, qual beija-flor a recolher o mel que eu distraidamente poisei por aí...!e vieste depositá-lo aqui...!

Retribuo da mesma maneira, amigo!!!

Um beijo

Que nessa magia intemporal, possas ser livre como o vento
beijos
luna a 30 de Março de 2009 às 20:40

Luna

Possamos... todos!

Beijo

"Balada da Liberdade" livro de Miguel Beirão, prefácio de minha autoria e capa de Dorabela Graça
Partilha em co-autoria
Um pouco de mim também...!
visitor stats
Luso-Poemas - Poemas de amor, cartas e pensamentos
Page copy protected against web site content infringement by Copyscape